Conteúdo

‘Fundos quants crescem como opção anticrise’, destaca Valor Investe

30 de setembro de 2020

Reportagem mostra como os fundos quantitativos são alternativa para diversificar a carteira e não ficar exposto a investimentos do mesmo estilo.

Exame Research relata a ascensão dos fundos quant no Brasil

22 de setembro de 2020

Em série de relatórios, a casa de análise de investimentos da revista Exame, destaca a performance positiva do Murano FIC FIM em março deste ano, mês de maior instabilidade do mercado financeiro.

The Man Who Solved the Market, o livro sobre a “revolução quant”

17 de agosto de 2020

Para quem deseja entender como o método quantitativo passou a ser utilizado no mercado financeiro, vale a pena conferir este livro sobre Jim Simons, o fundador do hedge fund Renaissance Technologies.

Ranking de rentabilidade do Valor Investe destaca Murano

23 de julho de 2020

O Murano FIC FIM ficou entre os primeiros lugares no ranking compilado pelo Valor Investe com os fundos multimercados com maior rentabilidade no primeiro semestre. Murano registrou um retorno de 17,18% no período.

Carta aos Investidores 1º Semestre 2020

17 de julho de 2020

Volatilidade favoreceu o resultado do Murano no primeiro semestre de 2020 consolidando-o como um dos fundos, senão o fundo, que historicamente mais rende nos piores momentos dos outros multimercados.

Hedge, Diversificação de Portfólios e Utilização de Fundos Quantitativos

29 de junho de 2020

Juros baixos e alta volatilidade. E agora? Nesse artigo da Murano, abordamos as ferramentas mais eficientes à disposição do investidor que precisa de uma melhor relação entre risco e retorno.

Murano participa de especial do Stock Pickers sobre fundos quantitativos

22 de junho de 2020

Nosso sócio Moacir Fernandes falou sobre as características do Murano FIC FIM e como ele se diferencia dos demais fundos quantitativos disponíveis no mercado.

Revista Investidor Institucional destaca rentabilidade do Murano no 1º trimestre

29 de abril de 2020

Na matéria, sob o título “Volatilidade favorece as máquinas”, nosso sócio Moacir Fernandes ressalta que uma das vantagens dos quants em relação aos demais multimercados é o alto grau de descorrelação.

Murano FIC FIM é prova de descorrelação, diz Valor Investe

20 de março de 2020

O Valor Investe destacou a performance dos fundos de investimento que mais renderam entre 26 de fevereiro e 12 março deste ano. No período, o Murano ganhou 8,22%, enquanto a média dos multimercados foi de -5,9%.

Valor Econômico mostra desempenho de quants em meio à volatilidade

16 de março de 2020

O jornal mostra como os quantitativos tendem a ter melhor desempenho nos momentos de alta volatilidade. O Murano foi um dos destaques da reportagem, quando registrava ganho de 5,05% no ano (até 12 de março).